segunda-feira, 30 de maio de 2011

Maioria dos shoppings de São Paulo tem sistema de ar ruim.

A maior parte dos sistemas de ar-condicionado dos shoppings da cidade de São Paulo apresenta problemas, conforme fiscalizações realizadas pela Coordenação de Vigilância em Saúde (Covisa).

Dos 50 grandes centros de compras, 21 passaram por fiscalização da qualidade do ar e em apenas dois eles estavam em ordem. Os demais (19) apresentavam irregularidades ou estavam se adequando, segundo O Estado de S. Paulo.

Os locais visitados não são divulgados. As vistorias tiveram início após um acordo de 2004 firmado entre o Ministério Público do Trabalho (MPT) e a vigilância sanitária, Covisa.

O processo teve início após denúncias de lojistas. Em um dos casos, um duto de ventilação estava com muitos resíduos, segundo disse a procuradora do Trabalho Daniele Leite.

As fiscalizações estão sendo intensificadas neste período pré-inverno. Além dos grandes shoppings, outros centros comerciais também devem ser avaliados. Ao todo, os pontos fiscalizados devem passar de cem.

Legislação

Qualquer lugar com grande movimentação de pessoas - seja comercial ou não - deve, por lei, manter sistema de ar funcionando em perfeito estado. As condições básicas são as de proporcionar ar reciclado e, com isso, evitar concentração de sujeira suspensa, fungos e vírus.

O ideal é que a temperatura esteja entre 20°C e 26°C e tanto o cliente quanto os lojistas sejam informados a respeito de qual é a temperatura do local.
Fonte: Destak

Nenhum comentário: