terça-feira, 3 de maio de 2011

Ministério vai intensificar ações contra a dengue no período entre epidemias.

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, pretende intensificar as ações do ministério contra a dengue nos próximos meses para tentar reduzir os números de casos em 2012. Segundo disse ao R7, as medidas servirão para prevenir novas epidemias da doença nos primeiros meses do ano, período em que são registrados a maioria das ocorrências.

“Passados os primeiros meses, que reúnem os maiores números de casos, vamos intensificar as ações nos períodos entre as epidemias. Isso vai servir para que a redução que nós tivemos agora em 2011 possa aumentar ainda mais a redução nos próximos anos.”

Segundo Padilha, que participou no sábado (30) do “Dia D” de vacinação contra a gripe no interior do Pará, os números de 2011 já representam um avanço no combate à doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. Ele diz que, de janeiro a março deste ano, houve 69% da redução de casos graves, 63% dos óbitos e 43% dos casos totais.

“As ações deste ano mostrou que é possível reduzir o número de casos.”

Balanço do Ministério da Saúde divulgado em março mostrou que a situação era pior no Norte do Estado, que concentrava 31,6% de todos os casos.

Por outro lado, o ressurgimento do vírus tipo 4 da dengue no país preocupa especialistas. Esse tipo de vírus não era registrado há 28 anos no país, mas voltou a circular em agosto do ano passado. Isso serviu de alerta para as autoridades de saúde, pois boa parte da população brasileira, pessoas abaixo dos 30 anos, em especial crianças e jovens, não tem imunidade contra esse vírus.
Fonte: Portal R7

Nenhum comentário: